WhatsApp: (11) 95651-1608
  Lista de cursos

Plano de Desenvolvimento de Bairro


Início: 19/07/2018

Duração: dias 19 e 20 de julho de 2019
Código: AH-221

Apresentação:
A partir do Estatuto das Cidades, planejar o futuro das cidades em conjunto com a população é hoje, não só compromisso da administração pública, como também conquista dos cidadãos.

Sua plena implementação, entretanto,  dependerá da regulamentação de instrumentos urbanísticos previstos, além da lei de uso e ocupação do solo e dos códigos de obras e de posturas.
Este é o foco do curso proposto para equipes técnicas municipais, assim como para consultores.

Ementa
Na maioria das cidades do mundo, Bairro é uma comunidade ou região que está dentro de uma cidade ou município e é considerada como a unidade mínima de urbanização. O bairro caracteriza-se  pelo “sentimento de pertencimento” existente entre moradores e localidade, e cuja formação depende não apenas da condição geográfica, mas também da relação entre as famílias e as pessoas.

O bairro não é limite administrativo, bairro é uma entidade cultural e antropológica. Sua delimitação é parte da elaboração do plano de desenvolvimento de bairro. Como parte do processo deste processo de reconhecimento destacamos que sejam apropriados:

–  Sua extensão territorial;
–  Suas condições físicas e geomorfológicas;
–  Suas características ambientais;
–  Sua população no que se refere à quantificação;
–  A estrutura de renda da população;
–  A composição etária da população;
–  A escolaridade da população;
–  A condição ocupacional da população.

Como parte do processo de formulação do plano de bairro cabe:

–  Reconhecer a vocação do bairro e sua visão de futuro.
–  Delimitar o território do bairro para saber sobre qual área será realizada a intervenção.
–  Reconhecer a identidade do bairro, sua história, cenário e cultura.
–  Desenvolver o registro da memória social passada, presente e futura.
–  Conhecer detalhadamente as condições do bairro.
–  Considerar não só as pessoas que moram naquele lugar, mas as pessoas que circulam e impactam a de alguma forma a localidade.
–  Considerar o desenvolvimento ou disponibilidade de ferramentas de gestão e mediação de conflitos.
–  Ter ações de curto, médio e longo prazo.
–  Ser um processo de responsabilidade compartilhada com determinadas ações sendo feitas pelo Governo, e outras pela própria comunidade.

Para tanto é fundamental estabelecer mecanismos para realização de diagnóstico local participativo – como forma de subsidiar a formulação do Plano de Desenvolvimento do Bairro.

Docente
Pascoal Mário Costa Guglielmi
Arquiteto, urbanista e planejador, formado em 1976 pela FAU Mackenzie, com especialização em Políticas Habitacionais pela Architectural Association de Londres e mestrado em Administração Pública e Planejamento Urbano pela Getúlio Vargas.

Trabalhou de 1980 a 1984 no Banco Nacional da Habitação e, como responsável pela TECTON e membro do Instituto CIDADE, desenvolve projetos habitacionais e urbanísticos para esferas de governo estadual e municipais, principalmente em São Paulo e Rio de Janeiro, com destaque para suas participações nas Bienais de Veneza de 2002 e de São Paulo de 2003.

Atua em projetos habitacionais e urbanísticos para esferas de governo estadual e municipal, com destaque para a elaboração de diversos projetos de regularização fundiária e de urbanização de favelas para a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbanístico do Estado de São Paulo – CDHU, para a Prefeitura de São Paulo no Programa Guarapiranga, Prefeitura do Rio de Janeiro no Programa Favela-Bairro e Prefeitura de Santo André.

Credenciado pelo Ministério das Cidades, tem realizado atividades de planejamento urbano para diversas prefeituras, tendo coordenado a elaboração dos Planos Diretores da Subprefeitura do Butantã, Franco da Rocha, Ourinhos, Cocal do Sul e Orleans, além do Plano da Região Metropolitana de Manaus.

Coordenou a elaboração dos Planos Habitacionais de Vassouras, Pindamonhangaba, Limeira e Mogi Mirim. Desenvolveu o Plano de Mobilidade Urbana da Prefeitura de Panambi e participa da elaboração do Plano de Transporte sobre Trilhos do Distrito Federal.

Desempenhou 15 anos de atividades docentes em Planejamento Urbano nas universidades Mackenzie, Belas Artes, São Judas e Cruzeiro do Sul. Ministra cursos de formação continuada no Ycon desde 2006.

Data
19 e 20 de julho de 2019
Sexta-feira, das 19h às 22h
Sábado, das 9h às 17h

Carga Horária
10 horas

Local
YCON – Formação Continuada
Rua Fidalga, 27 – Vila Madalena
São Paulo – SP

Investimento
R$ 650 à vista
ou 2x de R$ 340
ou 3x de R$ 230
ou 4x de R$ 175
ou 5x de R$ 142
ou 6x de R$ 120

Descontos Especiais
10% de desconto: Profissionais em grupo de duas pessoas.
20% de desconto: Estudantes de Graduação e Professores.

Os descontos acima não são cumulativos e aplicam-se
tanto ao preço à vista como às parcelas.

Consulte desconto para grupos de três ou mais pessoas.

Concedemos descontos para inscrição em mais de um curso.
Solicite um orçamento.

Incluso no valor da inscrição
1) Material didático completo;
2) Serviço de coffee-breaks;
3) Emissão de certificados.

Formas de Pagamento
Depósito/transferência bancária, cartão de crédito/débito, boleto bancário e cheque.

Informações
Tel.: (11) 3816-0441
WhatsApp: (11) 95651-1608
E-mail: cursos@ycon.com.br


  Lista de cursos

Sugira um curso!

Não encontrou o curso que procurava? Envie sua sugestão!

Enviando...

Condições especiais para inscrições simultâneas.

Seja Ycon

Conheça as vantagens de estudar com a Ycon


Professores reconhecidos no meio acadêmico e profissional.

Amplo portfólio de cursos relacionados à construção civil.

Atuando no mercado da educação desde 1992.

Conteúdo das aulas com foco no mercado de trabalho.

Oportunidade de interação e networking.

Opção confiável para o aprimoramento profissional.